De onde vêm os endocrinologistas?


Gostaria de falar com vocês um pouquinho sobre a história da endocrinologia no mundo e no nosso país. Isso porque eu acredito que quem não sabe de onde vem, não possui os instrumentos necessários para saber para onde vai. É assim com tudo na vida e não seria diferente na medicina.

Tudo começou no final do século XIX, ou seja, um pouco antes de entrarmos nos anos 1900. Aconteceu justamente quando foram feitas descobertas de processos químicos presentes no processo do nosso metabolismo que afeta todo o corpo humano. Este foi um período marcado por grandes descobertas científicas no ramo da medicina, da química e da física.

A partir de então, com estudos protagonizados na França, um pesquisador descobriu em testes de animais que algumas substâncias presentes nos testículos eram responsáveis pela força física, desempenho sexual e alteravam a capacidade psíquica dos animais usados nos experimentos.

Ou seja, começavam a perceber a presença e a importância dos hormônios e o modo como eles funcionam no nosso organismo, como mecanismos que alteram várias partes e condições psíquicas e físicas. Como eu venho reforçando em alguns posts aqui, sobre a relação direta do nosso sistema endócrino com a nossa condição emocional e mental, não apenas fisiológica.

Um pouco depois, outro pesquisador extraiu um glândulas da tireóide para tratar com sucesso uma mulher que possuía na época uma doença grave.

Depois disso uma série de pequenas descobertas foram sendo realizadas e concentradas num tipo de pesquisa científica específica até chegar na descoberta da insulina que foi revolucionária, em 1922.

O século XX já foi iniciado de maneira diferente com muitas outras descobertas que formavam, pouco a pouco, essa especialidade médica. Termos técnicos foram aprimorados, novos conhecimentos absorvidos e, aos poucos, a endocrinologia foi sendo conceituada no mundo inteiro.

Gosto, no entanto, de ressaltar a necessidade que o nosso campo médico ainda tem de aumentar e aprofundar a quantidade de pesquisa neste ramo, especialmente no que se refere à doenças crônicas, que vai muito além de controlar os sintomas externos.

É por isso que eu priorizo o estudo. Participo ativa e frequentemente de conferências e simpósios internacionais e gosto de acompanhar todas as novas pesquisas neste campo. Isso é dever nosso, de todo o corpo médico. É o mínimo que podemos fazer por nossos pacientes e pela medicina que depende do nosso bom desempenho.

Quero e pretendo compartilhar com vocês as minhas experiências recentes sobre estudo e pesquisa para que vocês possam acompanhar de perto onde baseio minhas opiniões e princípios médicos. É o que eu posso fazer por vocês que confiam no meu trabalho e são em grande parte responsáveis por ele.

E é o que farei em breve. Fique de olho aqui no blog para que você não fique de fora das novidades e para que eu possa compartilhar com você um pouco do que eu aprendo, todos os dias.

Obrigado pela sua companhia e até breve!

Dr. Mário Lhano - Endocrinologista e Metabologista CRM 101515, atende há mais de 10 anos e é especialista em dieta vegetariana.

Instagram: @dr.mariolhano

Fonte:

https://www.news-medical.net/health/Endocrinology-History-(Portuguese).aspx

https://www.endocrinology.org/endocrinologist/115/115.pdf

#endocrinologista #endocrinologia

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
No tags yet.
Siga
  • Facebook Basic Square

Copyright © 2006-2013 Alpha Saúde. Todos os direitos reservados. As informações deste site são de cunho informativo e não substitui o atendimento médico. As decisões sobre o tratamento devem ser orientadas por profissionais especializados.